sábado, 5 de fevereiro de 2011

Jornadas: Nos Labirintos da Sexualidade...


Informação recebida do

CENFIPE Centro de Formação e Inovação dos Profissionais de Educação /Escolas
Do Alto Lima e Paredes de Coura



Jornadas, 18 e 19 de Março

Ponte da Barca e Arcos de Valdevez

Nos Labirintos da Sexualidade: Educar Sem Banalizar…


O CENFIPE – Centro de Formação e Inovação dos Profissionais de Educação das Escolas Associadas do Alto Lima e Paredes de Coura leva a efeito, nos próximos dias 18 e 19 de Março, em Ponte da Barca e Arcos de Valdevez respectivamente, umas Jornadas cujo tema central é a Educação Sexual em Contexto Escolar. A Portaria nº 196-A/2010 de 9 de Abril procede à regulamentação da Lei nº 60/2009 de 6 de Agosto que estabelece a educação sexual nos estabelecimentos do ensino Básico e Secundário.
Para a prossecução das finalidades da educação sexual previstas no quadro normativo actual, importa que os docentes sejam capazes de desenharem um projecto de educação sexual de turma e de se organizarem para a sua implementação. Para esse efeito, é urgente perceber o grau de conhecimento e conforto ao abordar temas da sexualidade. O que está em jogo é a construção de uma sexualidade saudável, gratificante e estruturante do desenvolvimento das nossas crianças e jovens. Colocam-se, no presente momento algumas questões que suscitam a reflexão : que modelos de educação sexual na escola ? ; Que valores, objectivos e conteúdos deve incluir a educação sexual nas escolas; Como organizar o currículo ?; Como devem formar-se os professores que levam a cabo a educação sexual na escola ?
Na concepção das Jornadas e na tentativa de encontrar resposta para algumas destas questões procuramos envolver vários parceiros (Administração Regional de Saúde, Centros de Saúde, Autarquias, Direcção Regional de Educação Norte, Instituto Português da Juventude, Associações de Pais). Reunimos um leque de conferencistas que dispensam apresentações dos quais destacamos os Professores Eduardo Pinto da Costa (médico legista e professor jubilado da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto) Carlos Alberto Gomes (Sociólogo, U. Minho), Daniel Serrão (médico, especialista em ética da vida), Eduardo Sá (Psicólogo clínico, psicanalista e professor de psicologia clínica na Universidade de Coimbra e no Instituto Superior de Psicologia Aplicada, em Lisboa), Manuel Damas (médico e professor Universitário, presidente do Centro Avançado de Sexualidades e Afectos/Porto), Félix Lopez (reputado especialista da Universidade de Salamanca), Carla Serrão (Escola Superior de Educação do Porto) e Teresa Vilaça (especialista da U. Minho). Com o Painel “Projectos, Programas e Parceiros Institucionais das Escolas” queremos dar a conhecer entidades e Projectos que podem ajudar as escolas no desenvolvimento dos seus Projectos educativos. Com o Painel “Projectos e Dinâmicas Desenvolvidas nas escolas/relatos de práticas” pretendemos abrir um espaço de partilha de experiências e inovação. Não descuramos a vertente formação na medida em que, as Jornadas, estão acreditadas pelo Conselho Científico para a Formação Contínua. Assim será proporcionado a 75 participantes a possibilidade de frequentarem um Curso de Formação com 25 horas (1 crédito) de modo a aprofundar esta temática.
Mais uma vez CENFIPE pretende dar um contributo inequívoco para a abertura de espaços de cidadania e diálogo que contribuam para uma escola pública em melhoria.
Trata-se de um importante debate público para o qual convocamos professores mas também pais e encarregados de educação, técnicos de saúde, autarcas e todos aqueles que tem interesse e responsabilidades na administração da saúde e da educação. É com grande orgulho que o CENFIPE assume o protagonismo em organizar um evento com esta responsabilidade e com oradores tão conceituados.

O Director do CENFIPE
José Carlos Fernandes
*******
Para conhecer o programa das jornadas, inscrições e outras informações clique aqui ou na imagem supra.

Sem comentários: