quinta-feira, 18 de outubro de 2007

"COMUNICAR, INTERAGIR, EDUCAR"



Comunicar, Interagir, Educar é o tema centralizador do Projecto de Acção Educativa do Secretariado Diocesano do Ensino Religioso Escolar (SDER) do Patriarcado de Lisboa para o ano Lectivo 2007/2008.

De forma sintetizada e em linhas gerais, passamos a apresentar as Linhas Orientadoras e alguns Objectivos do Projecto. Quanto a Actividades Agendadas e/ou a Agendar, iremos divulgando em data próxima dos acontecimentos. De salientar, no entanto que, o Lançamento Oficial do Projecto aconteceu a 29 de Setembro de 2007, na Universidade Católica Portuguesa.

(Informações disponibilizadas pelo SDER)

Apresentação e Linhas Orientadoras do Projecto:
“Vivemos numa sociedade marcada pela comunicação. Com efeito, nada há de mais profundamente humano do que a ânsia de comunicar. Criado à imagem e semelhança de Deus, o ser humano busca a verdade e o amor, o que implica necessariamente diálogo e comunhão como outro, só possível se aceitarmos o desafio de estabelecer relações alicerçadas na comunicação.

Ninguém vive sem comunicar. O próprio Deus revela-se aos homens fazendo-se palavra que se comunica. A Igreja tem procurado acompanhar com grande solicitude os progressos da comunicação, pois sabe que ela é uma dimensão fundamental da relação dos homens com Deus e entre si. Sem uma sadia comunicação, não é possível construir um mundo alicerçado nos valores do diálogo, da tolerância e da paz, pois a ausência ou a deficiência na comunicação constitui um dos principais obstáculos ao desenvolvimento da pessoa e da sociedade.

Infelizmente, o facto de termos hoje ao dispor sofisticadas tecnologias de comunicação, nem sempre tem sido sinal duma maior proximidade entre os homens. Por estranho que possa parecer, alguns meios de comunicação, tem contribuído mais para isolar o Homem do que para estabelecerem pontes de diálogo e de comunhão. O mau uso dos meios de comunicação, e os valores e interesses que, muitas vezes, por seu intermédio são vinculados, têm contribuído para reduzir a pessoa à condição de objecto passivo, e não de sujeito e protagonista do processo comunicativo.

No início do séc. XXI, em que assistimos com esperança, mas também com alguma perplexidade, à consolidação duma sociedade de informação assente em relações comunicativas cada vez mais virtuais, é urgente a escola educar os alunos para os fundamentos duma sadia comunicação interpessoal e para o uso dos meios de comunicação em favor do Homem.

O projecto Comunicar, Interagir, Educar, é um contributo para a comunicação alicerçado nos valores humanos e cristãos, com o fim de sensibilizar alunos e professores para a necessidade de construir uma sociedade capaz de gerar verdadeiras relações humanas, assente no diálogo e na comunhão, promotoras do desenvolvimentos da pessoa e da sociedade.”

Alguns Objectivos do Projecto:
· Descobrir que o crescimento como pessoa passa pela capacidade de comunicação com os outros;
· Ajudar o aluno a descobrir a importância da comunicação no crescimento pessoal: social, afectivo e espiritual;
· Descobrir os valores presentes na comunicação (ex: disponibilidade, colaboração, entreajuda, escuta, aceitação do outro, afecto, preocupação, respeito mútuo, igualdade…);
· Promover a comunicação como valor indispensável à convivência na família, no grupo, na sociedade, e na Igreja (ex: diálogo inter-religioso, multicultural…);
· Empenhar-se na construção e manutenção da comunicação;
· Valorizar a perspectiva cristã sobre a comunicação como prática e atitude para a construção e vivência da paz (Deus que se comunica).

1 comentário:

Anónimo disse...

.....parabens professora Fátima isto está mt giro....

:)Felicidades
:)carinho
:)amor

È tudo o que o 6ºD lhe manda....

beijos de todos os alunos de moral do 6ºd do caregao